sábado, 4 de maio de 2013

A História



O Instituto Histórico, Geográfico e Genealógico de Parnaíba

     É uma instituição sem fins lucrativos, fundada em 13 de janeiro de 2000 por um grupo de pessoas das mais diferentes profissões, desde comerciários a funcionários públicos.
Desde agosto de 2004 o IHGGP está instalado no soberbo edifício colonial. Entre os sobrados centenários ele é um dos mais bem conservados. Segundo estudos mais recentes, sua construção é do final do século XVIII para servir de quartel da vila de São João da Parnaíba.
       É um edifício de linhas clássicas, imponente em meio ao barulho entre as Ruas Duque de Caxias e São Vicente de Paulo no centro de Parnaíba, onde guarda uma das maiores coleções de objetos e documentos já recolhidos nos últimos anos.
    Segundo o seu estatuto, o prédio possui proteção municipal por meio da Lei no. 1.908 de 11/03/2003 elege o imóvel, dentre outros, como objeto de tombamento em caráter prioritário no prazo de 90 (noventa) dias, a contar da data da publicação, agrega ao imóvel interesse público especial, consequentemente, revestindo-o de proteção oficial. Além disso foi tombado pelo estado em 19 de outubro de 2006 através do Decreto nº 12.395, de 19 de outubro de 2006, como também, mesmo que de forma provisória, o prédio tem tombamento federal no conjunto do centro histórico em 08/08/ 2008
      Portanto, o Instituto tem por objetivo estudar e divulgar a História, a Geografia, a Genealogia e Ciências Correlatas, principalmente de Parnaíba e do Piauí, sempre na defesa da verdade histórica. A IHGGP guarda acervos como os 73 Quadros artísticos do curso de Contabilidade da Escola Comercial União Caixeiral, troféus da Escola Comercial União Caixeiral, fotos, brasões, livros, imagens sacras, paramentos, louças,mobília, moedas e mapas. Todos espalhados pela instituição em diferentes salas ou galerias, como é o caso do Museu do Esporte, Sala de Genealogia Ovídio Saraiva, Sala de Filmes Antigos  Wanildo Mendes dos Santos, Sala Bembém, Biblioteca Lozinha Bezerra., Sala Cabaça – dança e teatro, Sala Profª Elita Araújo e a BIPA-Biblioteca Infantil de Parnaíba.


Um comentário:

  1. Conheço Parnaiba, quando tiver um oportunidade visitarei essa instituição.

    ResponderExcluir